08/10/2006

Helena de Lima 1956 "Dentro da Noite" [Continental LPP 38]

-
Uma Deusa da Noite, assim era chamada a cantora de voz profunda e emocionada Helena de Lima. Iniciou profissionalmente nos anos 40, frequentando os habituais programas no rádio. Foi também crooner, atuando no famoso Copacabana Palace, ainda nesta mesma década. Alternou temporadas entre o Rio de Janeiro e São Paulo, sempre com muito sucesso. Em discos, acompanhou o conjunto de Djalma Ferreira, gravou diversos 78 rpms, e muitos LPs com orquestrações luxuosas na RGE. Admirada por Ary Barroso, foi também compositora, o samba-canção “Ausência” presente neste disco é de sua autoria em parceria com Maria Eugênia. Neste 10 polegadas [Continental LLP 38, de 1956], Helena de Lima teve a honra de registrar sua bela voz ao lado do pianista e compositor Ribamar, em uma sessão de estúdio intimista, no intuito de reproduzir suas apresentações ao vivo, numa atmosfera que remete ao cool-jazz. Ribamar foi um pianista lendário, acompanhou as maiores divas de nossa música, e se eternizou também como compositor, com suas parcerias com Dolores Duran. Além do piano, Helena é acompanhada por um baixo acústico e uma discreta percussão - músicos não creditados. Oito composições de nomes como Marino Pinto [assina quatro faixas e também o texto da contracapa], Vadico [parceiro de Noel Rosa], Mário Rossi, Paulo Soledade, o próprio Ribamar e finalmente - no grande destaque do disco, e que o dá uma importância histórica - a primeira gravação do clássico “Foi A Noite”, de Antônio Carlos Jobim e Newton Mendonça. Helena de Lima foi uma de nossas maiores cantoras, e este seu “Dentro da Noite” ao lado do grande Ribamar, é um dos melhores de seus LPs e também um álbum fantástico.
~~
Continental LPP 38
-
01 Antigamente [Jarbas Melo, Vadico]
02 Abandonado [W. Barros, Esdras P. da Silva, Ribamar]
03 Renúncia [Marino Pinto]
04 Não Há de Que [Marino Pinto, M. Rossi, Helena de Lima]
05 Foi a Noite [Antônio C. Jobim, Newton Mendonça]
06 ... E Nada Mais [César Siqueira, Maria Rita]
07 Foi você [Marino Pinto, Paulo Soledade]
08 Revolta [Marino Pinto, Vadico]

6 comentários:

Newton C Braga disse...

Suas informações são fantásticas. Não conhecia seu blogger, mas vou visitá-lo a partir de agora.
Gostaria de esclarecer uma dúvida: No texto você faz referência ao LP dizendo que a gravação é da Musidisc, mas na capa do disco e no título do post diz "Helena de Lima 1956 "Dentro da Noite" [Continental LPP 38]". Há um engano ou a ref. é de outro LP?

thiago mello disse...

Newton, muito obrigado pela visita e esteje sempre à vontade para comentar. Obrigado também por notar o erro no texto, foi falta de atenção mesmo... Tanto que no texto em inglês está certo. Um grande abraço!

Green Eyed Lady disse...

Olá, Thiago.

Lindo blog, parabéns! Peguei "emprestado" seu comentário sobre a Helena de Lima para adicionar ao disco no meu Blog. Caso vc se importe, por favor me envie um e-mail para greeneyedlady62@gmail.com que retiro de imediato.
Ficaria muito feliz em receber sua visita no blog.
Beijos e lindo dia pra vc.

thiago mello disse...

Green Eyed Lady obrigado. Citando a fonte e linkando pra nós, ta tudo certo. Um beijao.

Anônimo disse...

Helena de Lima não "foi" uma de nossas maiores cantoras. Ela é uma extraordinária cantora, pois está vivíssima, graças a Deus e continua encantando os privilegiados que a assistem em seus esporádicos shows pelos sofisticados bares dos hotéis do Ipanema e do leblon, RJ.
Uma Deusa, sim, uma Rainha dos nossos corações boêmios e apaixonados.

Prof.Julio Cezar do Amaral

julioamaral212@uol.com.br

Deus a proteja Helena. Você é uma estrela incomparável. Sua voz é o nosso bálsamo.

antonio disse...

Que domínio espetacular desta voz lindíssima. Helena será sempre Helena, mesmo que não na intimidade da boate, é show!!! E ainda canta ao vivo, e muito!